Porque igreja!?

16 01 2011

Uma das coisas mais importantes para um cristão é se envolver com a igreja. Todo evangelismo, toda obra missionário, qualquer movimento que revele Jesus, só tem sentido se abre espaço para indivíduos serem parte do corpo de Cristo.

Tenho ouvido de muitas pessoas que, machucadas com a igreja, afirmam que não querem mais saber dela e que o mais importante é ter comunhão com Deus. Apesar disso soar bem aos ouvidos, existe algo mal resolvido nessa afirmação. Elas alegam que a igreja primitiva era assim e portanto não há problema nisso. Mas se evoluímos mal no padrão eclesiástico, seria a solução apenas retrocedermos? Se uma casa começa a ruir, devemos voltar a morar em cavernas?

Afinal e contas, porque a igreja está indo de mal a pior? Todas as pessoas não cristãs com quem converso sobre o tema fazem essa perguna. Minha resposta é quase sempre a mesma: “a igreja está muito ruim porque você não esta lá”! Quando essa mesma conversa é com algum cristão sua réplica é: “ mas eu tentei, fiz o que pude mas no fim não teve jeito, não deu mais para aguentar”. Mas será que essas tentativas levam à cruz ou a lavar as mãos como Pilatos?

Recentemente minha igreja me tirou do ministério de louvor e também cortou nosso sustento. A razão é meu ministério fora, com músicos que tocam na noite. A oferta foi que eu parasse com meu ministério na noite e em troca seria líder do ministério de louvor, ganhando uma boa grana. Proposta tentadora se não fosse uma coisa: meu chamado é inegociável! como trocar o chamado de Deus por qualquer outra coisa? Então passei  a ser apenas mais um membro da igreja.

Com todo talento que Deus me deu, isso é estranho, afinal, deveria ser da minha igreja o reconhecimento maior certo? errado! Isso é motivo suficiente para sair da igreja certo? errado de novo! É nesse ponto que algumas pessoas citam Lutero ou John Wesley que saíram da igreja para entrar na história. Mas ae entram as diferenças. Eles não queriam sair da igreja. Na verdade saíram porque estavam lutando para fazer uma igreja melhor. Saíram porque foram impedidos de continuar. Não foi escolha deles. E quando saíram acabaram fazendo o que? uma outra igreja! (ATENÇÃO! não estou dizendo pra você abrir outra igreja se a sua não está como você gostaria!). Eles sabiam que nada mais faria sentido se não houvesse “igreja” no contexto. Pode até ser que começaram fazendo grupos pequenos em casas e multiplicaram aos montes.Mas no fim, igreja.

É claro que hoje nas rodas dos escarnecedores a conversa sempre é que a igreja é um lixo, que não presta, que só quer dinheiro.. Sim! ela é uma prostituta mas ainda é a noiva de Cristo.(lembra de Oséias?) É essa prostituta que Ele vem buscar no fim. E a pergunta que talvez Ele fará para nós é: porque você não cuidou melhor dela? a gente tem uma tendência de achar que essa pergunta será feita apenas para pastores e líderes da igreja.  E quanto a nossa parte? nós cuidamos dessa prostituta imunda ou cuspimos nela? largamos as pedras no chão ou atiramos com forca e presunção em seu corpo magro e debilitado? talvez simplesmente demos as nossas costas e saímos, desejando jamais voltar a vê-la. Quando saímos nosso lugar é ocupado pelo vazio ou pelas trevas. No fim da na mesma. A noiva de Cristo se torna a namorada do diabo. Você sabe de quem é a culpa. Se não sabe, procure um espelho mais próximo….

Nós precisamos reagir! o maior campo missionário que existe hoje é a igreja! como tem gente perdida lá! O cristão que não se envolve com a igreja está exercendo seu direito à hipocrisia. Porque no fim pregamos uma mentira! apontamos o dedo pra Deus, que aponta pra Jesus, que aponta pra igreja. Para onde irão os que se arrependem? para uma célula? para missões? para congressos teológicos? não…seu lugar é a igreja. Quem vai estar lá para recebê-los? os fariseus e mestres da lei ou os discípulos de Jesus?

A igreja não tem a obrigação de entender meu ministério. Mas eu tenho a obrigação de ser igreja. Não posso sair a menos que me expulsem. Enquanto isso não acontece,eu serei a pedra de edificação ou tropeço, eu estarei com os novos convertidos, discipulando e pagando o preço, eu lutarei por uma igreja sã e pura! os incomodados que se retirem e os compromissados que permaneçam!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Ações

Information

One response

17 01 2011
Marco Faria

Tenho algumas impressões no meu coração sobre a minha postura em relação à igreja. Já falei muito mal e questionei muitas coisas na igreja. Mas tenho chegado a conclusão que, a igreja é exatamente como ela deve ser. Um grupo de pecadores, ansiando pela graça de Deus. E se eu acredito que tenho informação suficiente para a julgar a igreja, talvez o maior juízo seria viver todo a graça que Deus tem disposto para mim, na igreja, para a igreja, pela igreja!

Muito boa sua reflexão! E mais ainda sua postura mediante sua igreja! Deus o abençoe! Saudades de vocês!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: